PARA RECEBER AS ÚLTIMAS NOVIDADES DA IMIGRAÇÃO CANADENSE, SIGA-NOS EM NOSSAS MÍDIAS SOCIAIS

British Columbia começa a emitir Cartas de Atestação Provincial

11 March, 2024

British Columbia começa a emitir Cartas de Atestação Provincial

Iniciado em 4 de março de 2024, a emissão de Cartas de Atestação Provincial (PAL) na Colúmbia Britânica está oficialmente em vigor.
 
Para estudantes internacionais que se candidatam a um visto de estudo, a inclusão de uma PAL (Provincial Attestation Letter) com sua aplicação é obrigatória. Este documento serve como prova de aceitação por uma Instituição de Aprendizado Designada (DLI) em British Columbia. De acordo com o governo de BC, as PALs são emitidas pelas autoridades provinciais para as instituições, que então as fornecem aos candidatos internacionais.
 
BC recebeu um total de 83.000 pedidos de visto de estudo de graduação do Immigration, Refugees and Citizenship Canada (IRCC). Além disso, a província destaca que, com base nas taxas de aceitação anteriores, o governo federal prevê cerca de 50.000 pedidos de visto de estudo aprovados para o ano de 2024.
 
Em comparação, o ano anterior testemunhou 97.000 pedidos de visto de estudo para programas de graduação na Colúmbia Britânica, resultando em aproximadamente 60.000 vistos de estudo aprovados.
 
De acordo com a província, 53% das PALs serão alocadas para instituições públicas de ensino superior, com os 47% restantes designados para instituições privadas. Isso representa uma redução de 27% nos pedidos de visto de estudo para instituições privadas em comparação com 2023. A Colúmbia Britânica atribui essa redução à abordagem do "crescimento insustentável".
 
O sistema PAL da Colúmbia Britânica marca o primeiro lançamento desde que o IRCC implementou um limite na emissão de vistos de estudo para 2024. Prevê-se que outras províncias sigam em breve para atender ao prazo de 31 de março.

 

Limite do IRCC para pedidos de visto de estudo

 

O novo limite imposto pelo IRCC para pedidos de visto de estudo foi anunciado em 22 de janeiro de 2023. O IRCC afirmou que agora concederia até 360.000 novos vistos de estudo em 2024, representando uma redução de 35% em comparação com os níveis de 2023.
 
É importante observar que o limite não afeta renovações de visto de estudo ou pedidos para mestrado, ou doutorado.
 
Em seu anúncio, o departamento esclareceu que a alocação de vistos de estudo para as províncias será baseada em suas respectivas populações. De acordo com dados populacionais do Statistics Canada, BC é a terceira província mais populosa do Canadá, com aproximadamente 5,6 milhões de pessoas.
 
Além do limite, o departamento anunciou alterações nos requisitos de elegibilidade para Permissões de Trabalho Pós-Graduação (PGWPs), juntamente com ajustes futuros nas Permissões de Trabalho Abertas para Cônjuges (SOWPs). Especificamente, cônjuges ou parceiros de estudantes internacionais que cursam graduação em breve não mais se qualificarão para uma SOWP. No entanto, essa mudança ainda não foi implementada até o momento.

 

Expansão insustentável

 

A introdução do limite seguiu várias declarações do Ministro da Imigração, Marc Miller, sobre a natureza insustentável do programa de estudantes internacionais do Canadá.
 
Em 2023, o Canadá tinha mais de um milhão de vistos de estudo ativos, coincidindo com uma escassez de habitação acessível no país. Consequentemente, muitos estudantes internacionais se encontram vivendo em condições precárias ou, em alguns casos, enfrentando a falta de moradia.
 
O ministro disse que em certas províncias existem instituições educacionais semelhantes a fábricas de diplomas que estão apenas emitindo diplomas, e isso não constitui uma experiência estudantil genuína.
 
Além disso, o ministro enfatizou que os modelos de Instituição de Aprendizado Designada (DLI) "permissivos" de certas províncias falharam em fornecer aos estudantes internacionais suporte suficiente, apesar das taxas de matrícula substancialmente mais altas em comparação com os estudantes nacionais. O IRCC visa abordar esse problema implementando o limite, visando entidades dentro do sistema que exploram essas deficiências para ganho financeiro.

 

Mudanças adicionais no programa de estudantes internacionais da Colúmbia Britânica

 

Mudanças adicionais no programa de estudantes internacionais da Colúmbia Britânica estão detalhadas em seu comunicado.
 
A província prevê que o limite terá o maior impacto nas instituições privadas, que geralmente operam com menos supervisão em comparação com as instituições públicas. No início deste ano, a Colúmbia Britânica introduziu um conjunto de medidas destinadas a abordar o crescimento insustentável de seu programa de estudantes internacionais provincial.
 
Por exemplo, a província decidiu interromper as aprovações para novas instituições de ensino superior que buscam matricular estudantes internacionais até fevereiro de 2026. Além disso, planeja aplicar padrões mais rigorosos para a aprovação de programas de graduação privados, incluindo critérios de avaliação mais rigorosos para qualidade do curso, demanda demonstrada no mercado de trabalho para graduados e recursos adequados e serviços de apoio aos estudantes.
 
Essas medidas complementam a introdução de novos requisitos mínimos de idioma para estudantes matriculados em instituições privadas, visando garantir que os estudantes estejam melhor preparados para os desafios de estudar na Colúmbia Britânica.
 
Se ainda tiver dúvidas sobre isso, não hesite em entrar em contato com nossos consultores educacionais. Estamos prontos para ajudá-lo em qualquer estágio do seu processo.
 
Array
(
    [config-end] => 0.029052972793579
    [index-end] => 0.1323938369751
)